Proposta PRP
PROPOSTA DE "PROGRAMA DE REABILITAÇÃO PROFISSIONAL"


Para que aquelas pessoas com deficiência que tenham maiores dificuldades atinjam seus justos objetivos de inclusão social, é indispensável que contem com suficientes recursos comunitários especialmente organizados para seu atendimento. Um dos mais estratégicos no atendimento do jovem ou do adulto com deficiência, que pensa em sua verdadeira integração na sociedade a que pertence é aquele que é reconhecido em todas as partes do mundo moderno como um Programa de Reabilitação Profissional.

Na medida em que entidades voltadas para o atendimento de pessoas com necessidades especiais de uma determinada comunidade acreditam no potencial de cada ser humano - com ou sem deficiência - e desenvolvam uma visão crítica da realidade em que estão mergulhadas, perceberão, por exemplo, como é importante garantir a prestação de serviços para cobrir também as pessoas com deficiência que tenham algum potencial para a vida de trabalho.

Para tanto, é vital que seja organizado um verdadeiro Programa de Reabilitação Profissional , com o propósito de estudar não somente o emprego dessas pessoas no mercado aberto de trabalho, mas também a solução de algumas alternativas de trabalho rentável para aquelas que não tenham condições para tanto.
Para garantir bons resultados nessa prestação de serviços, tal programa precisará estar baseado em dados de realidade sobre o mundo do trabalho. Precisarão os profissionais nele envolvidos incorporar todo o material referencial teórico e prático da reabilitação profissional, prevalecente no mundo moderno.

Na implantação de um Programa de Reabilitação Profissional, é preciso que acima de tudo sejam analisadas as principais preocupações que gravitam ao redor dos problemas das pessoas com deficiência na comunidade, tais como a complexidade de seu universo, a extensão dos problemas das deficiências, os bloqueios na vida dessas pessoas, o problema do bom condicionamento físico e do ajustamento à vida de trabalho, a insegurança para trabalhar e outras questões. As respectivas soluções para os mesmos deverão ser delineadas por profissionais que conheçam o processo de reabilitação profissional e que consigam operacionalizá-lo.

(*) Otto Marques da Silva
Consultor em Reabilitação Profissional (2021)


voltar para a página de apresentação...ir para o topo da página